Campeões Nacionais 2014/2015

Campeões Nacionais 2014/2015

Siga-nos no Facebook

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Último dia...



Portugal 1 de Setembro de 2014

Último dia para o mercado de jogadores fechar e finalmente acabar a especulação em torno de qual vai ser a equipa do Benfica que vai “atacar” o bicampeonato. Também é o último dia que vou estar por cá, esperando que amanhã já possa estar na praia desfrutando a areia e as ondas do mar.
Nestes últimos tempos aconteceram algumas coisas interessantes. Desde logo o sorteio da fase de grupos da Liga dos Campeões, onde nos calhou um grupo relativamente difícil. Mas se tivesse saído o Borussia Dortmund, o Liverpool e o Roma teria sido pior.
Recordo-me das palavras de JJ quando a propósito da miserável pré temporada (mal planeada, lesões e maus resultados) defendeu que é nos “jogos com equipas difíceis que se fazem os testes que têm de se fazer”. Não percebi bem do que é que ele se estava a defender, uma vez que das experiências que fez resultou que há 5/6 jogadores que não têm qualidade suficiente para jogar na equipa mais forte do Benfica: César, Luís Felipe, Benito, Sidnei, Bernardo Silva, João Teixeira e João Cancelo. Sabendo das dificuldades técnicas destes jogadores e do grau de exigência que existe no Benfica (adeptos + comunicação social) foi prudente apostar num esquema de jogo com 2 avançados? Acho que não, que só piorou a imagem desses jogadores e provocou danos na confiança dos adeptos.
Ora tomando como referência as ideias do nosso treinador, também me parece que isto de jogar na Liga dos Campeões, o que dá “pica” é jogar contra equipas a sério. Andar na Liga dos Campeões a jogar com Maribores e BATES Borisovs é coisa para equipas com pouca auto confiança e que têm receio dos confrontos com as grandes equipas, “safando-se” com equipas de menor experiência e/ou menores orçamentos. Portanto acho que na lógica de Jesus temos um bom grupo. Embora pudesse ter sido bem pior, como já referi.
Por outro lado, este sorteio provou uma coisa que até agora nunca tinha acontecido: a equipa do pote 1 sendo e melhor desportivamente, é contudo a que tem orçamento mais baixo dos outros potes 2, 3 e 4! Mas também por outro lado, constata-se que por ironia do destino, tal como no ano passado com o Olympiakos, saíram-nos 2 equipas muito representadas por Jorge Mendes e com muitos jogadores que vendemos ou emprestamos. Vieira quer-se ver livre deles mas no final a história dá uma grande volta e voltamos a levar com eles. Espero que este ano, com resultado diferente da época passada....
Por último, houve um novo Benfica – SCP e desta vez, vá lá saber-se porquê, JJ apresentou apenas 1 avançado, Lima contra os 2 que apresentou no jogo da Taça de Honra (com a tal equipa “remendada”). Note-se que prefiro o modelo de jogo com 1 avançado! Apenas registo, por falta de lógica, que se tenha arriscado mais, quando se tinha um plantel de menos valia.
Para variar e com aquela habitual falta de cultura desportiva que os caracteriza, a comunicação social resumiu o jogo ao infeliz lance de Artur, sem frisar de forma semelhante, a enorme intervenção no mn 89 que evitou 1 golo que podia ter ditado a derrota.
A mim pareceu-me que se podem tirar muitas outras conclusões e que não foi pelo enorme erro de Artur que perdemos 2 pontos. Do lado positivo, regista-se a boa qualidade de posse de bola do Benfica e algumas transições rápidas entre a defesa e o ataque. O que permitirá mais tarde, a concretização de mais golos. E daqui vem o lado negativo, a pouca eficácia dos avançados. Quem tem lido os meus textos recordar-se-á que mencionei a estatística dos golos de Lima com Cardozo, e dos golos de Lima com Rodrigo. Para tirar a conclusão óbvia que Lima marcou muito, mas foi com Cardozo: 20 contra 14. Ora sem Cardozo, e sem Rodrigo, que esperar de Lima? 3 jogos, 0 golos!
E daqui tiro outra conclusão mais ou menos lógica. Os assessores de Vieira, que esperaram pela morte de Eusébio para correrem com Cardozo a qualquer preço, terão algum conhecimento de futebol que não seja a arrogância do que concluem quando olham para o seu umbigo?
Um desses idiotas, Rui Gomes da Silva, quando “despacharam” Roberto e contrataram Artur ficou estupefacto (quase sentido) porque lhe disse que íamos perder o campeonato outra vez. E ainda não tinha sequer começado. Segundo ele, tínhamos resolvido o problema da baliza, as coisas não tinham como melhorar...
O problema do Benfica é que os assessores de Vieira continuam a influenciar os destinos da equipa....
Boas férias e até dia 15 ....

2 comentários:

  1. Boa tarde
    Sou um blogue acabado de nascer podemos trocar linkes?
    Seria para mim um prazer... Obrigada.

    http://aguiadeluz1982.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Vou propor o assunto ao administrador do blogue .. :)

    ResponderEliminar

AMIGO/A VISITANTE

Não comente como ANÓNIMO porque pode haver quem deseje responder-lhe e assim continuar o diálogo.

Clique em NOME/URL e escreva o seu, ou um nome, ou um nik, não necessitando de escrever nada no 2.º rectângulo, deixando-o em branco.
A seguir clique em ... continuar e... comente.

Volte sempre. Obrigado