Campeões Nacionais 2014/2015

Campeões Nacionais 2014/2015

Siga-nos no Facebook

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

A verdade desportiva da treta...

Um tal de pateta, que é presidente de um clube de futebol dito grande, anda, qual D. Quixote, a lutar pela verdade desportiva, ele e o meia-leca da SIC.

Por mim seria fantástico se tal fosse realmente verdade e por momentos, mais propriamente na altura em que foi eleito presidente do Sporting, pensei que poderíamos ter alguém que se demarcasse do actual estado do dirigismo em Portugal, alguém que pugnasse realmente pela verdade desportiva mas enganei-me... Fui até muito ingénuo diga-se...

A verdade desportiva que rege Bruno de Carvalho é igual aquela que rege os seus adeptos, ou seja, se forem beneficiados e em primeiro com alguma margem, a verdade desportiva está ao rubro, está no seu esplendor e não há qualquer tipo de colinhos ou demais tretas... Se vão em primeiro e a coisa está apertada, há que continuar a chafurdar na lama e a clamar a verdade desportiva do jogo de Braga, por exemplo...

O Bruno de Carvalho teve a hipótese de marcar a diferença e quando fosse beneficiado num ou noutro jogo, aí sim podia ter mandado uma pedra ao charco e dizer, "Fomos beneficiados  e não é isto que queremos para o futebol Português!!! Queremos que os árbitro errem menos e essa é a nossa luta!!!". Se assim fosse, teria o apoio de 90% dos adeptos em Portugal... Mas o que fez o pateta? Igual a qualquer outro... Quando foi beneficiado calou-se e enfiou a violada da verdade desportiva no saco mas assim que foi prejudicado, aqui d'el rei que não há verdade desportiva no futebol Português!!!

É assim Bruno de Carvalho e são assim os adeptos do Sporting... Dizem-se diferentes mas ainda não consegui compreender em quê e esta época está a provar que não é certamente por defenderem a verdade desportiva. Se assim fosse, não andavam a tentar justificar as agressões gratuitas de Slimani fazendo referência ás faltas que ele sofre e a lances COM BOLA dos adversários, tentando fazer uma colagem ao que Slimani anda a fazer desde o ano passado.

Quem realmente pugna pela verdade desportiva e se diz diferente o que tinha de fazer era assumir o mau comportamento de Slimani dizendo que o atleta já foi alertado e depois sim tinham legitimidade para alertarem também para alguns comportamentos de adversários menos condizentes com o fair-play e a verdade desportiva. Assim, são iguais a tantos outros...

No que me diz respeito, antes de andarem com as tretas do vídeo-árbitro, há que mudar mentalidades, a dos adeptos e a dos dirigentes. Depois, alterando alguns procedimentos no jogo, obrigar à introdução do fair-play, como por exemplo paragem do relógio aquando de assistências ou substituições.

Primeiro mudem o que está mal no jogo, depois venha o vídeo-árbitro mas antes de tudo isto é preciso que a mentalidade dos dirigentes e adeptos mudem mas creio que isso é quase impossível, quase...

O Sporting e os seus adeptos não defendem a verdade desportiva, defendem assim a sua verdade desportiva que mais não é do que serem eles os beneficiados...




Sem comentários:

Enviar um comentário

AMIGO/A VISITANTE

Não comente como ANÓNIMO porque pode haver quem deseje responder-lhe e assim continuar o diálogo.

Clique em NOME/URL e escreva o seu, ou um nome, ou um nik, não necessitando de escrever nada no 2.º rectângulo, deixando-o em branco.
A seguir clique em ... continuar e... comente.

Volte sempre. Obrigado