Campeões Nacionais 2014/2015

Campeões Nacionais 2014/2015

Siga-nos no Facebook

quarta-feira, 4 de maio de 2016

Notas e decisões...



Portugal 4 de Maio de 2016

E aí estão as decisões em várias provas, no âmbito nacional e europeu. Deixo umas notas soltas sobre alguns desses acontecimentos.
. O SCP ganhou no Porto, contrariando as minhas expectativas expressas no último texto. Pensei que ganhando ao Guimarães, colocaríamos uma pressão muito grande sobre o SCP, que num campo difícil seguramente iria originar a perda de pontos. Enganei-me. Mas também não contava que a arbitragem de um árbitro bem conhecido de todos, que estranhamente apitou a favor do SCP. Para além do penaty (bem assinalado) que deu o empate ao FCP, existiu novo penalty que implicava a expulsão de Coates, com 1-2, que pode bem ter sido o momento capital dessa vitória. Com 10 e eventual 2-2, não me parece que o SCP conseguisse ganhar o jogo e o título de campeão seria nosso.
. Este árbitro há uns 4 anos, em Alvalade e para o campeonato, expulsou Sidnei por um encosto de ombro, no meio campo, tendo na altura considerado que havia jogada prometedora. É só comparar com este lance de Coates para perceber que existiu enorme incoerência do árbitro com vista a ajudar o SCP.
. No dia seguinte a comunicação social destacou a exibição do SCP e a clareza do resultado, sem fazer eco dos comentários do treinador do FCP sobre os erros de arbitragem, como fazem quando se trata de equipas derrotadas pelo Benfica (e que o caso Capela é expoente maior). Quando ganhamos em Braga 2-0, a mesma comunicação social falava de “sorte” porque levamos com duas bolas nos ferros, apesar de também termos enviado uma bola à barra e termos tido um penalty a nosso favor por assinalar, num lance bem mais evidente de outro reclamado pelo Braga. Com o SCP agora é tudo diferente. Até Jesus deixou de “inventar” e de ser “casmurro”....
. Com a vitória do SCP e com a extraordinária moral que deu à equipa, assume contornos dramáticos o jogo contra o Marítimo, com a particular agravante que o SCP joga primeiro e pode colocar pressão no Benfica. De facto, com 5 pontos acima da linha de água, e com o SCP a jogar moralizado, não estou a ver o Setúbal a tirar-lhes pontos.
. Em 2013 perdemos o título a 2 jornadas do final. Nessa altura a maioria dos adeptos do Benfica, ingratos, ignorantes e manipulados pela comunicação social, entendeu que quando perdemos com o FCP aos 92 mn, a culpa foi de Jesus. Ninguém reparou que este mesmo Soares Dias na 1ª jornada impediu o Benfica de ganhar ao Braga, por, entre outros erros, nos ter invalidado um golo limpo. Agora ajudou a dar 2 pontos ao SCP. Espero que este erro não tenha implicação no campeonato, mas seria irónico se tivesse. É que agora é Jesus que pode ganhar o título, como em 2013 foi a ele que o tiraram.
. Estamos na final da Taça da Liga. Ganhamos ao Braga depois de estarmos em desvantagem. Uma exibição com muita alma e pouca qualidade técnica, o que se aceita tendo em conta as alterações introduzidas na equipa. E o Braga não é uma equipa qualquer apesar de também já evidenciar algum cansaço.
. A meia-final da Taça da Liga permitiu o regresso do capitão Luisão. Um regresso que se saúda e que desejo se prolongue por mais e bons anos.
. As duas equipas mais cotadas que se cruzaram no caminho do Benfica na presente edição da Champions League, discutiram a meia-final. Um agregado de 2-2 colocou o Atlético de Madrid na final, pela segunda vez em 3 anos. O penalty falhado por Muller (defendido por Oblak) que podia ter dado o 2-0, acabou por ser determinante. Muller ficou no banco no jogo da 1ª mão, pedido pelo Bayern, o que suscitou uma trovoada de críticas contra Guardiola. Por outro lado, muita cautela como se analisa a época do Benfica na Champions e em particular com as conclusões que alguns irão tirar, numa perspectiva de facilitismo e elevação.
. O Leicester foi campeão contra todas as expectativas. Entre outros factores, para mim foi determinante terem um guarda-redes sólido e um atacante que marcou muitos golos (Vardy). Regras básicas para ter sucesso como equipa.
. Morreu Paulo Paraty. Muitos o rotularam de benfiquista, mas não era. O jogo mais surreal que me lembro de ter visto com ele foi um Leiria 2- FCP2, segundo ano do malfadado penta, talvez época 96/97. O FCP reduziu para 1-2 aos 90 mn e Paraty foi ele próprio buscar a bola dentro da baliza do Leiria e colocou-a no centro do relvado. Se isto não bastasse, deu 6 (!) mn de compensações, mas o jogo acabou aos 100 mn pouco depois do FCP ter feito o 2º golo... Paz à sua alma.

2 comentários:

  1. O Leicester fez uma época fantástica e contra todas as expectativas foi campeão. Uma vénia aos jogadores e treinador :)

    ResponderEliminar
  2. O Leicester foi campeão contra todas as expectativas. ENTRE OUTROS FACTORES, para mim foi determinante terem um guarda-redes sólido e um atacante que marcou muitos golos (Vardy). Regras básicas para ter sucesso como equipa.

    ResponderEliminar

AMIGO/A VISITANTE

Não comente como ANÓNIMO porque pode haver quem deseje responder-lhe e assim continuar o diálogo.

Clique em NOME/URL e escreva o seu, ou um nome, ou um nik, não necessitando de escrever nada no 2.º rectângulo, deixando-o em branco.
A seguir clique em ... continuar e... comente.

Volte sempre. Obrigado