Campeões Nacionais 2014/2015

Campeões Nacionais 2014/2015

Siga-nos no Facebook

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

A queixa do FC Porto é legitima

Quero desde já dizer que o FC Porto tem toda a legitimidade de pedir a abertura de um processo referente ao jogo com o Estoril.

O que se tem dito e escrito pós-caso são exclusivamente divagações, suspeições, desconfianças, dúvidas, criação de cenários porque não há ninguém que possa afirmar que o Estoril é responsável ou que o Estoril não é responsável.

Não vale a pena andarem a queimar os neurónios com isto porque nem o FC Porto sabe se tem a razão do seu lado. O Estádio foi analisado por quem de direito, com a presença dos responsáveis do Estoril e do FC Porto. Após isto o FC Porto decidiu avançar para a tal queixa na Liga e isso é um direito que lhe assiste. Estarão a tentar aproveitar-se da situação? Poderão estar mas  os dirigentes do FC Porto estão lá para zelar pela defesa dos interesses do FC Porto e como tal entendo o que estão a fazer.

A Liga só se vai pronunciar após receber o relatório da entidade que vistoriou o estádio. Recorrendo ás imagens que circulam, ninguém consegue garantir que os danos que se vêem colocam em causa a estrutura da bancada, se os danos já lá estavam ou se são de agora. Não há ninguém que consiga dizer neste momento se por ventura aquilo tudo foi causado pelo sismo ou não.

Há malta que está a comparar este caso com o que aconteceu com a cobertura no Estádio da Luz. Por favor não sejam idiotas porque uma coisa nada tem a ver com a outra. No caso da Luz foi absolutamente óbvio que a cobertura desmembrou-se devido aos ventos ciclónicos que ocorreram na altura. Neste caso, ninguém pode aferir se os danos que vimos já lá estavam antes do jogo, se os mesmos colocam em causa a bancada em termos estruturais ou se os danos foram provocados pelo sismo. Repito, NÃO HÁ NINGUÉM que garanta o que quer que seja!!! É tudo mera especulação e os dados são usados conforme dá mais jeito.

Quanto ao facto de o Porto conseguir incluir o Brahimi no dia 21 de Fevereiro, também é verdade que o Estoril vai entrar fresco para jogar 45 minutos e provavelmente com a linha defensiva na máxima força devido ao regresso dos lesionados, por isso, há prós e contras para os dois lados.

quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

A direcção do Benfica não se dá ao respeito


O Benfica tem sido atacado pelos seus rivais sobre os casos do emails e outros e a comunicação social, num modo geral, tem sido uma autêntica caixa de ressonância e muitas vezes tem sido ela própria a atacar.

Há dois jornais que têm sido um dos baluartes dessa caixa de ressonância e até chegam a colocar mais alguma lenha na fogueira, falo do Record e do Correio da Manhã que fazem parte do Grupo Cofina que dispensa apresentação.

Ora, o apelo que faço há já muitos anos é que os Benfiquistas deixem de comprar a trampa dos nossos jornais desportivos e outros do mesmo grupo. A comunicação social se não quer ser profissional tem de sentir na pele as consequências disso. Eu não compro um único jornal desportivo vai para mais de 10 anos e nunca fui assinante da Sport TV.

Mas compreendo que seja muito difícil um Benfiquista deixar de comprar os ditos jornais quando vê a direcção do Benfica a permitir que o nosso treinador dê uma entrevista a um jornal desportivo que tem sido, a par do jornal O Jogo, um dos rostos desta campanha escabrosa contra o Benfica.

Uma direcção que efectivamente queira defender o Benfica destes ataques não pode permitir que o seu treinador dê uma entrevista destas. então nós temos o jornal do Benfica, a revista do Benfica, a Benfica TV e andamos a dar audiências, cliques e dinheiro a quem mais nos tem mal-tratado?!

A direcção do Benfica tem de perceber de uma vez por todas que não pode dar a mão a esta gente, pelo menos enquanto não exercerem a sua profissão de acordo com o seu código deontológico.

Se perguntarem aos sócios e adeptos do Benfica se concordam ou não com esta entrevista de Rui Vitória, aposto que 99% acharão que não concordam.

Acordem!! Defendam o Benfica de forma voraz, incisiva e agressiva. Não deixem ninguém pisar o Benfica e depois ainda ter como presente uma entrevista ao nosso treinador ou jogador.


quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

10 milhões por Talisca?!

Espero muito bem que, a confirmar-se esta oferta de 10 milhões, o Benfica rejeite imediatamente a ridícula oferta.

O Talisca neste momento vale bem mais que os 10 milhões! Sempre fui da opinião que o Talisca deveria ter continuado no Benfica, Os problemas são para serem resolvidos sentados à mesa e não com afastamentos impulsivos.

O Talisca, além do seu pé esquerdo fabuloso, é rápido, tem boa técnica e um enorme pulmão. Agora que mudámos o sistema para 3 médios o Talisca encaixa neste sistema que nem uma luva, seja como 10 ou como 8.

Para a próxima época para a posição de 8 e de 10 teríamos jogadores com Samaris, Cristane, Pizzi, Talisca e Krovinovic. Não esquecendo que Talisca pode muito bem jogar a partir da esquerda vindo para dentro. Se ele estivesse neste momento no Benfica, para mim, seria titular.

Espero que as noticias da sua renovação sejam verdadeiras e que para o ano regresse porque com ele ficamos mais fortes.





Diz o boneco: "Não quis ofender ninguém"


Só quem não o conhece acredita nestas vãs palavras. Ele bem tem tentado passar uma imagem que não é a dele, a imagem de uma pessoa tranquila, serena e cordial. O Sérgio Conceição não é e nem nunca será assim. O Sérgio Conceição é um mal educado que teve sempre problemas por onde passou. Sempre não, o único sitio onde não tem problemas é na casa está porque tem gente igual ele.

Já são vários os casos em que ele perde a cabeça em campo por coisas mínimas e vai em primeiro no campeonato, agora imaginem quando o personagem andar em segundo ou terceiro...

Em crescendo...

O Benfica ficou a dever a si próprio um goleada sobre o Moreirense. Uma equipa que constrói as situações que constrói tem de ser muito mais eficaz, tem de meter a bola no fundo das redes.

O Benfica dominou de inicio ao fim, dando continuidade ao jogo feito com o Sporting. A equipa ofensivamente está muito melhor, está mais solta, jogam mais apoiados e criam situações de perigo e de golo que antes não criavam.

Em termos defensivos noto já algumas melhoras no posicionamento, ainda assim continuamos com alguns erros posicionais nas transições defensivas. Com Fejsa em campo os erros são reduzidos a quase nada, erros posicionais todas as equipas cometem por muito bem treinadas que estejam, mas com Samaris no lugar de Fejsa os erros posicionais triplicam. Na minha opinião isso deve-se ao facto de Samaris não ser um seis e por muito que treine a posição não tem, e nunca terá, a leitura de jogo que também e necessária naquela posição de forma a tapar os caminhos para a baliza.

Sempre fui defensor que os jogadores devem jogar nas suas posições originais. Pode haver uma adaptação de um jogador a determinada posição mas terá de ser uma adaptação definitiva, tipo aquela que ocorreu com Coentrão, por exemplo. Não concordo que um jogador ande a treinar ora a posição original, ora a posição que poderá vir a jogar também. Uma equipa como o Benfica tem de ter a capacidade para r buscar jogadores para as respectivas posições e não andar a remediar. O que disse RV sobre o Keaton Parks vai de encontro aquilo que eu acho que não se deveria fazer. O RV disse que o Keaton ora treina a posição 8 ou a posição 6 e eu acho errado!! Eu acho que o miúdo deve treinar o sua posição original, se for um 6 são essas rotinas que ele de treinar, é nessa posição que ele tem de entrar no sistema da equipa.

No próximo jogo iremos ter mais uma prova de fogo contra um Braga que tem estado muito forte. Vai ser mais um verdadeiro teste à equipa e a este novo 4x3x3 que, parece-me, está mais sólido. Perdendo ou empatando este jogo, e o Porto e Sporting vencendo os seus jogos, ficamos praticamente fora do titulo.

CARREGA BENFICA

#RUMOAO37


sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

Avassalador

Determinação, atitude, agressividade, intensidade, velocidade, solidariedade, empenho, raça, querer e crer foram os ingredientes maiores num prato que foi servido ao Sporting e que este não conseguiu nunca digerir.

Já tenho lido por aí que foi o Sporting que recuou linhas quando se viu a vencer por um a zero, pois eu discordo na totalidade. Percebeu-se desde o inicio de jogo que o Benfica estava por cima no jogo, que entrou mais determinado, com mais atitude, com mais agressividade e intensidade. O lance do André Almeida com o Coentrão é um exemplo disso mesmo.

O Sporting conseguiu chegar ao golo no resultado de um ressalto de bola, e de um fora de jogo não assinalado, que sobra para Gelson que se antecipou ao Grimaldo. Depois disso teve uma excelente situação para marcar por Gelson que descaído pela esquerda aparece isolado perante Varela mas esta situação de golo não conta porque o Varela não defendeu. Pelo menos usando o critério de Jorge Jesus... Foi isto que o Sporting conseguiu criar em 90 minutos de jogo...

De resto só deu Benfica! Fomos claramente superiores em 4x3x3, em 4x4x2, com dois médios criativos no meio, com Salvio a lateral e André Almeida a central, sempre superiores em todos os momentos do jogo.

É pena que uma equipa que produz e cria o que o Benfica criou não consiga enquadrar a bola na baliza, pelo menos. Quer dizer, um lance foi enquadrado na baliza mas o Rui Patrício não precisou de defender, fê-lo o Coentrão... Na sequência a bola vai à barra e depois ainda surge o cabeceamento ao lado do Jonas com a baliza aberta mas lá está, nada conta porque o Rui Patricio não defendeu... Também não conta aquela que o central tira a bola na linha de cabeça porque, lá está, o Rui Patricio não defendeu... Com esta lógica eu até acredito que para JJ o golo do Sporting também não conta para as oportunidades de golo criadas porque o Varela não defendeu...

A maior prova de que o Benfica simplesmente massacrou o Sporting foi o mal-estar de JJ na conferência de imprensa e a sua insistência na treta das defesas do Rui Patricio, ou a ausência delas. Foi o facto de rejeitar responder a uma pergunta da BTV que o queria questionar se uma bola à trave era ou não uma situação de golo. Outra prova foram as substituições do Sporting. Claramente que as entradas de Bruno César e Ruiz foram para tentar retirar bola ao Benfica tentando manter a bola na sua posse, não resultou...

Em relação à arbitragem, nada a dizer porque as imagens falam por si... O Sporting livrou-se de uma tareia ou melhor, Hugo Miguel, o seu auxiliar e o VAR evitaram que além de ter sido subtraído o golo ao Sporting, ao Benfica ainda pudesse fazer ainda mais 3 golos de penalti. Para mim o lance do Piccini não é penalti. O do Coentrão sobre o Jardel, a mão do William e do Coentrão são penaltis. Portanto, o jogo poderia muito bem ter ficado 4-0 quando ficou 1-1...

Quanto ao nosso Benfica... É manter os ingredientes que mencionei acima, adicionar o sal, que é como quem diz, crescer posicionalmente em termos defensivos, e temos equipa. Não se iludam porque muitos dos erros que temos cometido ainda continuam lá. Espero que este jogo tenha servido também para moralizar os jogadores porque estando os jogadores com confiança é mais fácil uma equipa evoluir.

Vamos ver como se comporta a equipa nos próximos jogo mas não me vou agarrar neste jogo para dizer que tudo está resolvido porque não está, para já...


CARREGA BENFICA!!

#RUMOAO37