Siga-nos no Facebook

terça-feira, 20 de março de 2018

Pela boca morre o peixe

Quem não conhece a expressão do titulo deste texto? Pois é, assenta que nem uma luva no desbocado que preside o clube de Alvalade.

Sinceramente, não faço a mínima ideia se o MP irá avançar com a acusação ou não o que sei é que isto está-me a dar um gozo que vocês nem imaginam. O personagem anda hà meses a falar na casa dos outros quando tem a sua a arder vai para cinco anos. Fala dos processos dos outros como se eles já tivesse sido julgados e condenados. Agora aguenta e não chora! 

Depois temos a comunicação social cá da praça. Parece que desta vez o CM não conseguiu chegar primeiro que o pateta, devem ter apanhado muito trânsito certamente...

Então o que escreve o Record é absolutamente delicioso: "...o ato de constituição como arguido é um procedimento normal..."; "...Só quando esta terminar e a matéria apurada for entregue a um juiz é que este decidirá se deduz acusação e avança para julgamento ou se, pelo contrário, opta por arquivar." - Alguém consegue encontrar alguma coisa sequer parecida com isto no caso do Paulo Gonçalves por exemplo? São uns vendidos!!!!

Entretanto parece-me que, além do patético presidente dos lagartos, houve mais alguém que falou demais e demasiado cedo e assim também pode vestir a carapuça do titulo do texto.




Estou a falar do Manuel Fernandes que desde que foi insultado e depois beatificado, passa a vida a lamber os entrefolhos ao presidente lagarto. Podem ver no vídeo que esta actual triste figura, outrora um homem com H grande, diz que: "Se Bruno de Carvalho fosse arguido em qualquer processo, eu queria que ele saísse do Sporting" - Vamos agora ver do que é feito Manuel Fernandes!!! Vamos ver se é uma homem com coluna vertebral direita. Vamos ver se alguém o vai confrontar com estas declarações.

Como não vejo este tipo de programas peço a todos que enviem emails ao "representante" do Benfica nesse programa para confrontar o Manuel Fernandes. Podem enviar para o mail do blogue os contactos do "representante" do Benfica de forma a que também eu faça chegar a mensagem.


3 comentários:

  1. Águia Douro20/03/18, 23:09

    O interlocutor do M. Fernandes é o João Alves. Sinceramente, não estou a vê-lo com coragem para isso. Acredito mais depressa que o faça o moderador.

    Vergonhosa a lixivia que na CMTV deitam na constituição de arguido ao brunalgas. Levezinho..... e o gajo do rascord, lá veio, agora com enfase, de que ser arguido não significa ser culpado, bla, bla, bla. Pena o Calado, não estar à altura de retrocar. Era nestas alturas que o Glorioso podia e devia ser defendido, e deixarem-se do politicamente correcto.

    ResponderEliminar
  2. Babalu verdelho20/03/18, 23:15

    O mais engraçado e o que me dá mais gozo é que o Azevedo de Carvalho está impedido de sair do país por ordens do MP.
    Mas eles dizem que ele está com problemas de saúde e que é o médico que não deixa. Uns disseram que estava a fazer uma nova lipoaspiração ou que estava a ser tratado ao falado e conhecido vício da droga.
    O MP deve significar Médico Público.

    Mas a verdade é que o Mosquito, investidor e dono de 30% do Sporting e que roubou o BES, o que se sabe é que logo que ponha os pés em Portugal é preso. Está a ser investigado e o presidente lagarto também está envolvido pelo que foi avisado pelas autoridades para não se ausentar do país.

    Depois também temos as investigações sobre os processos crime colocados no MP pelo PPC, de fuga ao fisco e branqueamento de capitais, que é uma coisa muito grave a serem provados verdadeiros.

    Por isso ele não saiu do país para ver o jogo com os checos. E não irá a Madrid. A não ser que saia clandestinamente.

    ResponderEliminar
  3. Vai logo dizer que é uma situação diferente...e continua a mamar como paineleiro.

    ResponderEliminar

AMIGO/A VISITANTE

Não comente como ANÓNIMO porque pode haver quem deseje responder-lhe e assim continuar o diálogo.

Clique em NOME/URL e escreva o seu, ou um nome, ou um nik, não necessitando de escrever nada no 2.º rectângulo, deixando-o em branco.
A seguir clique em ... continuar e... comente.

Volte sempre. Obrigado