Siga-nos no Facebook

quarta-feira, 7 de março de 2018

Revista Sábado assume que tem uma toupeira

"Uma semana após o início da investigação judicial ao chamado caso dos emails,  o Benfica já tinha acesso a documentos do processo. Esta é a conclusão dos investigadores da Unidade Nacional Contra a Corrupção da Polícia Judiciária...

"Um advogado sabe que a primeira vez que um processo vai ao juiz de instrução serve, sobretudo, para validar o segredo de justiça. Da segunda vez, já pode ser para pedir buscas domiciliárias ou, por exemplo, escutas telefónicas", referiu fonte judicial. Daí que uma das suspeitas em causa seja a de que com tal informação Paulo Gonçalves tenha conseguido antecipar diligências contra o Benfica. 

Fonte judicial adiantou à SÁBADO que só após a análise da documentação e dados informáticos recolhidos nas buscas desta terça-feira é que a PJ e o Ministério Público irão decidir se existem elementos suficientes para constituir novos arguidos no processo como, por exemplo, o presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, de quem Paulo Gonçalves dependia hierarquicamente. "É preciso apurar com toda a certeza se a direcção do clube estava a par, incentivou e até apoiou as diligências que são imputadas a Paulo Gonçalves", referiu a mesma fonte.

De acordo com informações recolhidas pela SÁBADO, a investigação considera que a contratação  de Fernando Rocha foi uma das contrapartidas dadas por Paulo Gonçalves, assessor jurídico da SAD, ao técnico do IGFEJ para a recolha de informações nos processos judiciais a que este tinha acesso como elemento do Núcleo de Arquitectura de Sistemas de Informação para a área dos tribunais.

A investigação terá ainda apurado que nos últimos anos, o Benfica terá tido acesso a processos judiciais que envolviam FC Porto e Sporting. Esta é uma das suspeitas que está a ser investigada na operação "E-toupeira"

Segundo informações recolhidas pela SÁBADO, os contactos de Gonçalves são suspeitos de lhe fazer chegar informação retirada dos sistema informático dos tribunais, o Citius,  não só dos casos que envolviam o Benfica, como também dos seus rivais mais directos.

As credenciais (username e password) da procuradora Ana Paula Vitorino, actual assessora da Procuradora Distrital de Lisboa, Maria José Morgado, foram a chave encontrada pelo técnico do Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça (IGFEJ) José Augusto Silva, um dos detidos na Operação E-toupeira para recolher informação sobre os processos judiciais que interessavam ao Benfica."

Olhando para excertos retirados de noticias da Revista Sábado, fica bastante claro que a revista Sábado teve, e eventualmente ainda tem, acesso ao processo agora denominado ”E-toupeira” através de "fontes". Coloquei a vermelho para que seja mais fácil verificar que estão sempre a mencionar "uma fonte".

O que se pode aqui perguntar é se o Ministério Público já abriu algum processo de investigação à revista Sábado e se já lhe deu algum nome pomposo, do tipo “E-Sábado”.

Gostaria de saber para quando uma busca ás instalações da Sábado que, segundo a mesma, há meses que sabia deste processo e o que ele implicava e quem é fonte que eles mencionam.

Eu pergunto-me, o que leva o ministério Público a investigar determinadas supostas violações do segredo de justiça e noutras fecha os olhos como se nada se passasse?

Espero que na tal reunião que o Benfica irá ter com PGR, os questione porque é que o Ministério Público não está a investigar as constantes violações do segredo de justiça por parte do Grupo Cofina.



5 comentários:

  1. Reparem bem no comunicado do SLBENFICA
    "Acreditamos que o Dr. Paulo Gonçalves saberá explicar a legalidade das suas acções e procedimentos"
    Algo me diz que isto vai dar uma volta muito grande...
    Aguardo serenamente!!
    Entretanto...sábado a Equipa precisa do apoio de todos Nós!!!
    Juntos Somos Mais Fortes!!!

    ResponderEliminar
  2. Cá para mim sao varias TOUPEIRAS.

    NOTA: mas os BENFIQUISTAS já estao a par e informados que isto é uma cabala que de corrupção nada tem, mas sim MANCHAR O BOM NOME DO NOSSO GLORIOSO S L E BENFICA, depois veremos o reverso da medalha sentados na poltrona.

    ResponderEliminar
  3. nem mais e que sejam rápidos a cofina está mesmo ao lado do estadio da luz ,e como parece que o M.P. e a P.J. tem lá um gabinete no estadio
    e se calhar querem um camarote actuem porra !

    ResponderEliminar
  4. como e que ha jogadores benfiquistas a dar entrevistas ao record?com o benfica com o mister e com a presidente ate a morte... mas por amor de deus a cesar o que é de cesar!!! vamos cagar em cima desta corja podre que resiste a nao morrer!!! mas dar entrevistas e passarmos a vida nos sites da cofina nao da com nada

    ResponderEliminar
  5. a resposta é simples, para que é que iriam investigar fugas aos segredo de justiça para os jornais e revistas?
    Isso não servia de nada, agora se tiver o nome Benfica?
    PS a Cofina estão a mando do alvaro sobrinho que é accionista do sporting assim como do senhor saraiva sem pescoço e seus compinchas.
    A sabado o jn o jogo estão a mando do porto.
    e farão tudo para impedir o penta


    ResponderEliminar

AMIGO/A VISITANTE

Não comente como ANÓNIMO porque pode haver quem deseje responder-lhe e assim continuar o diálogo.

Clique em NOME/URL e escreva o seu, ou um nome, ou um nik, não necessitando de escrever nada no 2.º rectângulo, deixando-o em branco.
A seguir clique em ... continuar e... comente.

Volte sempre. Obrigado