Siga-nos no Facebook

segunda-feira, 30 de novembro de 2020

Marítimo x Benfica - Antevisão

Finalmente está de volta o campeonato.
Confesso: estas paragens do campeonato para jogos de seleções seguidas de jogos de taça contra equipas de CNS desmotivam-me completamente!

A ultima jornada de campeonato foi desoladora... o Benfica perdeu, em casa, com o Braga... meu rico BL... 

O jogo na madeira costuma ser um jogo dificil para o Benfica... o Marítimo é das equipas há mais tempo na 1ª divisão, uma equipa sempre competitiva. No jogo de hoje acresce que temos alguns jogadores infetados com covid 19, o que limita o leque de opções de JJ... 

A equipa foi recebida na madeira por alguns brunistas do Benfica... gajos que não conseguem ultrapassar os resultados eleitorais, que acham que a maioria é que tem de se adaptar e que a maioria é que é divisiva... Tudo lhes serve para acusar os "62%" do que corre mal! Fodxm-se e formem um clube!

Conferência de Imprensa


Convocatória
Guarda-redes: Odysseas, Svilar e Helton;
Defesas: Ferro, Vertonghen, Jardel, João Ferreira, Gilberto, Otamendi e Grimaldo;
Médios: Samaris, Everton, Gabriel, Cervi, Chiquinho, Diogo Gonçalves, Pizzi e Rafa;
Avançados: Seferovic, Waldschmidt, Gonçalo Ramos e Ferreyra.

11 inicial
A equipa que eu espero...

Quinta-feira dá para gerir... no campeonato já perdemos essa margem. 
Quem no ano passado criticava por estarmos 7pts na frente está a preferir este ano estar atrás?

No Facebook em https://www.facebook.com/universobenfiquista
No Twitter em https://twitter.com/UnivBenfiquista

sexta-feira, 27 de novembro de 2020

Em Janeiro tragam o Florentino de volta


"O “eclipse” de Florentino Luís, enquanto opção para Bruno Lage, poderia não passar de um pormenor se não registasse os seguintes méritos à 10ª jornada, véspera do seu “congelamento”:

  • Florentino era, de forma destacada, o jogador benfiquista que mais passes antecipava e interceptava (4,3 a cada 90 minutos)
  • Entre os jogadores mais utilizados (+450 minutos) apenas Rafa Silva batia o médio na cadência de desarme. Florentino seguia com uma média de 3,3 desarmes.
  • O jovem médio era o segundo jogador “encarnado” que mais recuperações de posse garantia, cerca de nove a cada 90 minutos jogados. Acima dele apenas um jogador, e outro “desaparecido”: Andreas Samaris, com dez recuperações a cada jogo completo, nos cerca de 300 minutos jogados.
  • Apesar do fulgor defensivo que os seus números apresentavam, Florentino era, entre os médios com maior propensão para o apoio defensivo, aquele que cometia menos faltas (apenas uma a cada 90 minutos, Samaris e Taarabt, por exemplo, aproximavam-se das três).
  • Apenas um jogador batia o “trinco” no menor número de posses perdidas a cada 90 minutos e o seu nome (e posição) diz tudo sobre os méritos do jogador “desaparecido”: Vlachodimos. O “trinco” perdia apenas 6,7 posses a cada 90 minutos e, sendo certo que, na sua posição, é de esperar um bom desempenho nesta matéria, convém sublinhar que o seu registo batia qualquer médio-centro ou defensivo “encarnado” e até ambos os centrais.
  • Caso pense que a pecha de Florentino estaria no contributo ofensivo desengane-se: mesmo sem brilhar nessa matéria, o jovem somava um registo idêntico ao de Gabriel Pires, na hora de contabilizar passes para finalização: cerca de um passe para remate a cada dois jogos.
  • Florentino Luís apresentava o quarto melhor GoalPoint Rating do Benfica 6.26, entre jogadores com mais de 450 minutos disputados.

Florentino faz 4,30 intercepções a cada 90 minutos, bem acima do grupo de perseguidores do “top 5”europeu, liderado pelo nigeriano Wilfred Ndidi, do Leicester City. Este é um número que tem sido consolidado através de várias exibições muito bem conseguidas neste momento específico de jogo, no qual Florentino utiliza o seu bom posicionamento e antecipação das jogadas para interceptar as veleidades adversárias na hora da circulação de bola. O médio é, aliás, dono do máximo de intercepções num só jogo esta época na Liga NOS.


A pergunta que se faz é muito simples... Como é que um jogador com estes números não tem lugar, no mínimo, no plantel do Benfica? Para mim seria titular de caras...

Parece que não tem jogado muito no Mónaco, portanto, que tal tentar o seu regresso? Que acham?


No Facebook em https://www.facebook.com/universobenfiquista

No Twitter em https://twitter.com/UnivBenfiquista

Má exibição com resultado simpático

Mais uma exibição medíocre do Benfica! Valeu o resultado e pouco mais...

Depois de tantos milhões gastos. Jogámos com 3 jogadores fora das sua posições habituais, Gabriel, Chiquinho e Rafa. E nem vou falar de Jardel que jogou do lado direito no centro da defesa quando joga sempre na esquerda.

No meio campo, onde reside um dos maiores problemas do Benfica, não havia muito por onde escolher já que Samaris, imagine-se, não foi inscrito por excesso de estrangeiros, portanto, hoje, jogadores de raiz para a posição seis nem vê-lo e na posição oito tínhamos mais uma adaptação.

O resultado disto foi o mesmo de sempre... Muitas perdas de posse sem sentido e dificuldades na construção. Nenhuma equipa consegue fluir o seu jogo com tantas perdas de posse em situações simples, muitas vezes sem pressão.

Entendo o que JJ pretende de Rafa na direita mas ele ali nem um terço rende do que se jogasse na esquerda. 

O primeiro golo é também muito daquilo do que tem sido o Benfica... Grimaldo perde no físico, ainda assim o lance é resolvido, o Rangers ganha a segunda bola, faz uma tabela, onde Rafa fica a ver jogar, para variar, e a partir daqui a equipa está descompensada.

Segundo golo é o exemplo do mau posicionamento dos médios do Benfica, já com o Braga foi igual. Mais uma vez, a zona á frente dos centrais está completamente desprotegida, não está lá nenhum médio do Benfica para fechar aquele espaço e é por isso que muitas vezes é muito fácil apontar o dedo aos centrais quando na maioria das vezes não têm cobertura dos médios porque estão mal posicionados.

A evolução do Gabriel na posição seis tem sido bastante interessante como as estatísticas mostram mas isso não diz tudo... Posicionalmente deixa muito a desejar e depois a equipa fica mais desequilibrada do que equilibrada e um seis, na minha opinião, tem de ser um jogador de equilíbrios e não de desequilíbrios. Por exemplo, o Florentino é um jogador com um sentido posicional absolutamente fantástico, a juntar à sua capacidade de recuperação da posse e a forma como joga sempre limpo quase sem perdas de bola. Estou curioso para ver quanto o Gabriel evolui posicionalmente ao longo da época, se houver esta evolução, poderemos ter um seis interessante, e, já agora, que não perca bolas quando simplesmente não as pode perder. Nem sempre dá para jogar na frente.

Um jogo que valeu pelo resultado e que, fruto do resultado do outro jogo do grupo, nos deixa a um ponto de conseguirmos o apuramento.


Espero que a equipa jogue muito mais porque o futebol praticado tem sido uma pobreza.


No Twitter em https://twitter.com/UnivBenfiquista

domingo, 22 de novembro de 2020

Treino em jogo de Taça



A convocatória para o jogo com o paredes era elucidativa, aproveitar o adversário para treinar em competição. Por vezes esta forma de abordar os jogos da Taça contra estas equipas corre mal e "acontece Taça" mas ontem, sinceramente, foi um autêntico passeio. Sinceramente, não estava à espera de tanta revolução. Pensei que iria ser um misto de jogadores menos utilizados e os titulares que não tiveram nas selecções ou que não jogaram.

O jogo não teve muita história. só poderia estar em causa se o Benfica não fizesse golo, o que acabou por acontecer numa bola parada por Samaris. Gostaria de ter visto o João jogar na lateral direita em vez da esquerda.

No ataque, foi notórias as dificuldades de Gonçalo e Ferreyra, uma dupla inédita, primeiros minutos de Ferreyra neste Benfica e um Gonçalo Ramos ainda à procura do seu espaço.

Penso que no meio campo não há muito a dizer, sendo que Chiquinho cumpriu mas sou da opinião que rende o dobro a jogar da esquerda para o meio ou atrás do ponta de lança.

De resto, ninguém se destacou por aí além e fiquei com a ideia que deste jogo o JJ não ganhou nenhuma solução nova.

Exibição quanto baste para passar à eliminatória seguinte, dar minutos a alguns jogadores menos utilizados e a dar um prémio a alguns jogadores da B e juniores.

Vamos ver como a equipa se apresenta na Liga Europa... Sinceramente, espero uma evolução positiva da equipa!!!



No Facebook em https://www.facebook.com/universobenfiquista

No Twitter em https://twitter.com/UnivBenfiquista

domingo, 8 de novembro de 2020

Benfica x Braga - Antevisão


Jogo verdadeiramente importantíssimo do nosso campeonato. Já o disse antes do jogo com o Boavista que nos deveríamos preocupar, na altura, era com quem estava em segundo e não estarmos a olhar para o Porto. O campeonato do Benfica não é vencer o Porto é ficar em primeiro. A soberba e pouca humildade da nossa parte na altura para perceber que o Sporting estava na nossa cola resulta da possibilidade de no final desta jornada ficarmos a 5 pontos do Sporting. Equipa essa que está a jogar um excelente futebol, com humildade e união. Aliás, calando muita gente que sempre se riu da forma como o Sporting apostou durante uns anos na formação ou nos jovens. Têm um excelente treinador, estão fora das competições europeias e estão livres para disputar o campeonato sem qualquer pressão. Pior disto tudo é que estão claramente a jogar muito, acertaram claramente em várias contratações como por exemplo o Pote ou Porro, João Mário está de volta a uma excelente forma e serão uma equipa muito complicada de vencer. Se chegam ao final da primeira volta sem perder com o Benfica teremos tremenda dificuldade em apanhar a carruagem do primeiro.

Digo isto porquê? Para enfatizar a importância deste jogo. É fundamental o Benfica vencer este jogo. No ano passado foi o Benfica x Braga que nos tirou da rota do título, depois da derrota no Ladrão. Não me interessa minimamente, como iremos jogar. Se bem se mal. Se com nota artística ou sem nota artística. Se com Darwin se com Seferovic. Se Pizzi ou Everton. Se por 5 ou se por 1. A vitória é só o que interessa. E não havendo vitória coloca-nos numa posição complicada e muito próxima da do Porto. Que não é onde queremos estar.


Conferência de Imprensa



Não consegui, falha minha, encontrar os convocados para o jogo. Não sei se ainda não saíu a lista. Seja como for, para mim a equipa que jogava era:

Ody
Grimaldo, Vertonghen, Otamendi e Diogo Gonçalves
Gabriel e Taarabt
Rafa e Pizzi
Darwin e Luca


Veremos o que o jogo nos reserva. Entrar como fizemos contra o Rangers é fundamental. Pressão alta sem deixar o adversário respirar e trocar a bola. Braga tem uma excelente equipa e um excelente treinador. Esperemos que no final da época termine em 2º ou 3º. 


No Facebook em https://www.facebook.com/universobenfiquista
No Twitter em https://twitter.com/UnivBenfiquista

quinta-feira, 5 de novembro de 2020

A falta de mestria do mestre que mais parece amador...

Inadmissível o que JJ fez hoje à equipa.

Não fomos humilhados, mas JJ fez tudo para que tal acontecesse.
As substituições em catadupa desde o jogo com o Boavista, tenta aos mais desatentos, transmitir que o problema está nos jogadores. NÃO! Um dos grandes problemas, é o treinador e a falta de humildade de alguém de ego cheio e que acha que nada tem a provar, muito menos a aprender.
Hoje, com menos 1 desde o minuto 19 da primeira parte, o mestre obriga a equipa a jogar a 30 metros, subida e a pressionar como se estivéssemos 11 para 11. É inadmissível! O jogo poderia ter ficado a 1-4, 1-5. 

Além de mensagens subliminares de culpas, não consegue perceber que retira moral e confiança à equipa na globalidade, matando-os individual e coletivamente inclusive em termos físicos.

Se este jogo, à casados vs solteiros, fosse com Bruno Lage ou Rui Vitória, eram mortos hoje mesmo, em redes sociais, sites e jornais. Como é o JJ, ainda vamos ouvir elogios e pior... auto-elogios.

JJ fez quase tudo mal, ainda assim, os jogadores conseguiram não perder! 

 

No Facebook em https://www.facebook.com/universobenfiquista
No Twitter em https://twitter.com/UnivBenfiquista

terça-feira, 3 de novembro de 2020

Bem-vindos ao futebol português JJ e HM

 
Ainda o Boavista vs Benfica...
Que fique claro, ontem perdemos bem e em todas as vertentes do jogo. Garra, foco, inteligência de jogo, preparação do jogo e ausência de plano B a fazer lembrar os maus tempos de Bruno Lage.
 
Mas hoje, apetece-me essencialmente dar as boas vindas a Jorge Jesus e Hugo Miguel, dois jovens acabados de cair no futebol nacional.
 
Hugo Miguel é um árbitro jovem de 43 anos de idade com enorme potencial e ao qual auspício um futuro risonho... um dia destes, pode mesmo apitar uma final de um campeonato do mundo, ou quiçá mesmo, uma final da taça da liga. 
Ontem foi bem evidente a sua inexperiência, não permitindo a nenhum jogador do Benfica ganhar duelos individuais em 94 minutos. Sempre que um jogador do Benfica partia para o duelo individual com bola, tinha direito a ser derrubado, sem que com isso o adversário fosse penalizado além da falta. 
Sem que sintam que estou a desculpar JJ por falta de noção de que equipa íamos defrontar, conseguimos levar 4 cartões amarelos em 15 faltas, com o nosso adversário a cometer 30 faltas... repito, 30 faltas, várias delas sem bola, e a verem a cor amarela do cartão unicamente por 3 vezes, sendo que um deles foi o guarda redes. 
 
Quanto ao nosso jovem treinador de 66 anos de idade, tem enorme qualidade e demonstra mesmo ser uma lufada de ar fresco no que diz respeito a comunicação e ideias inovadoras.
 
Comunicacionalmente, talvez fosse bom em vez de elogiar de forma constante os nossos craques top mundial quando as coisas correm bem, os ajudasse a crescer e a focar no trabalho árduo que tem pela frente, até um dia auspiciarem ser tops.    
Exemplos claros, são Darwin e Nuno Tavares que em vez de focar no trabalho já pensam que caneta comprar para assinar um contrato milionário condizente com o desígnio top mundial.
Nuno Tavares será um bom jogador, mas o tal futuro lateral esquerdo do seleção nacional, ontem fez um jogo digno dos campeonatos distritais. Calma com os elogios jovem JJ.  
 
No que respeita a ideias inovadoras do nosso treinador, realço os cantos à maneira curta... Wow! Algo que nunca vi na minha vida. Há que colocar isto no papel o mais rapidamente possível, para que jamais caia no esquecimento. Do que consegui percepcionar, consiste na marcação de canto típica à maneira curta, mas em vez de colocarmos a bola na área beneficiando do hipotético desposicionamento adversário, rodamos e seguimos a jogada em posse... Incrível!
 
Viva o futebol português! 
 
Ah... não me levem a mal, mas Sporting em primeiro é algo digno da epidemia que estamos a passar.

No Facebook em https://www.facebook.com/universobenfiquista
No Twitter em https://twitter.com/UnivBenfiquista

Boavista 3 x Benfica 0 - Rescaldo

Vou começar dizendo que já começa a parecer um pouco patético de que a cada vez que podemos dar um duro golpe ao FC Porto, não fatal mas doloroso, acabamos por dar sempre um balão de oxigénio. Isto explica muito o porquê de os nossos campeonatos ganhos serem sempre conquistados na últimas jornadas.

Depois, se estarão à espera que vou rasgar a equipa, os jogadores especificamente ou mesmo JJ, podem parar de ler aqui porque isso não vai acontecer.

Se estão à espera que me vou agarrar ás 30 faltas que o Boavista fez, podem parar de ler aqui. Até porque a maioria das faltas foram feitas na segunda parte, quando já perdíamos por 2-0. Na primeira parte as faltas cometidas estavam equilibradas. São precisas mudanças de fundo no futebol Português e na arbitragem e se o Benfica não se mostra interessado nisso, eu não irei fazer qualquer tipo de menção ao número de faltas do nosso adversário e o que isso influência no jogo.

Depois de ver o jogo, depois de me acalmar e ouvir muito bem o JJ a conclusão que tiro é que a equipa do Benfica hoje estava completamente de rastos fisicamente.

Sinceramente, apesar de ser notória a evolução da equipa, esta ainda não está consistente e quando se está em baixo fisicamente as debilidades do colectivo vêm ao de cima.

A quantidade de duelos que perdemos, a quantidade de passes que erramos, a quantidade de vezes que perdemos a bola no nosso meio campo por erros infantis não podem ser justificados com um simples "as coisas não saíram". Sim, há dias que nada corre bem, há dias em que o último passe não entra, que o GR defende tudo e mais alguma coisa, que as bolas vão aos postes mas hoje nada saiu bem porque a equipa não tinha pernas para sair bem!

Hoje o Boavista, com um Benfica mais fresco e com outra capacidade de pensar o jogo, poderia ser goleado tal o espaço que deram quase sempre nas costas. O problema é que a equipa do Benfica teve sempre enormes dificuldades em sair da primeira fase de pressão do Boavista e quando o conseguiu decidiu quase sempre mal, errou muitos passes e fomos demasiados lentos.

Este Benfica, em termos de características, está muito longe do que pretende JJ... Hoje voltámos a jogar com demasiada gente pelo meio e sem um único extremo aberto... Tudo por dentro... Mesmo os nossos laterais nunca deram a largura e profundidade necessária. O Nuno talvez por desgaste, perdi o número de duelos que perdeu, as decisões erradas que teve e os passes perdidos. O Gilberto... Bem, se o Gilberto não dá mais que isto vamos passar por algumas dificuldades naquele flanco, a não ser que o Diogo se transforme naquilo que ainda não pode ser.

Forma demasiados erros, tanto dos jogadores, como do treinador, para um tal de Benfica arrasador. Mais uma vez demos um balão de oxigénio ao FC Porto e muito cuidado com o Sporting de R. Amorim... Se ele conseguir que a equipa jogue sem pressão, solta, as coisas podem ser um caso sério.

Contra o Rangers teremos de rodar muitos jogadores porque não podemos perder pontos contra o Braga...

Vlacko – 7 – Foi o melhor do Benfica. Defendeu o que tinha de defender e sem influência nos golos.

Gilberto – 4 – «Nunca conseguiu dar a largura e profundidade que o Benfica necessitava. Não desequilibrou absolutamente nada e teve algumas dificuldades defensivas.

Otamendi – 4 – Não esteve hoje ao seu nível. Falhou bastante ao nível do passe e sentiu muitas dificuldades defensivas em alguns lances.

Vertonghen – 4 – Também ele errou bastantes passes e teve enormes dificuldades em parar o avançado do Boavista. Mal posicionado no segundo golo, se tivesse respeitado a linha da defesa se calhar seria fora de jogo. Teve uma enorme oportunidade para marcar.

Nuno Tavares -3 – Fez um jogo absolutamente medonho. Péssimo no passe, nas decisões, a atacar e a defender. Vinha a fazer uns bons jogos mas hoje esteve muito mal. Veremos se não foi só um jogo mau e se consegue dar continuidade aos bons sinais que vinha demonstrando.

Taarabt – 5 – Não foi dos piores mas errou alguns passes, embora tenha sido dos poucos que conseguiu criar alguns desequilíbrios individuais. Penso que continua a demorar um pouco a soltar a bola quando consegue vantagem ou a decidir mal. Tem de perceber um pouco melhor o jogo e arriscar também os passes nas costas das defesas quando existe espaço, como hoje, e não procurar sempre o passe vertical para o jogo interior.

Gabriel - 4 - Gabriel é e será sempre um oito que joga a 6, ou seja, quando estiver bem fisicamente, teremos um Gabriel bom naquela posição, quando não estiver bem fisicamente, não existe Gabriel e o Benfica hoje ressentiu-se disso porque Gabriel hoje não conseguiu ter a excelente reacção à perda de bola que costuma ter. Também fizeram falta as suas variações de flanco e até os seus passes para trás da defesa adversária mas as pernas pesaram.

Ewerton – 3 -  Jogou? Tem uma qualidade individual brutal mas muitas vezes parece que desaparece no jogo e hoje então foi por demais evidente. As pernas pesaram muito e nunca conseguiu criar nada de especial.

Pizzi – 4 – Hoje nem o Pizzi apareceu! Perdido nos meios dos médios do Boavista a maioria do tempo e desapoiado quando abriu nas alas. Com a falta de acerto nos passes interiores que o Benfica demonstrou seria quase impossível fazer o que quer que fosse.

Darwin – 4 – Aquele golo anulado não engana... É craque!! Mas um avançado, por muito bom que seja, está sempre dependente daquilo que a equipa produz e hoje o Benfica produziu muito pouco. Tentou aparecer, lutou mas nada lhe saiu bem hoje.

LW – 4 – Aquele passe a isolar Darwin é absolutamente delicioso mas depois também pouco fez. Nunca conseguiu encontrar espaço e tempo para definir bem.

Rafa – 6 – Veio agitar completamente o jogo mas fez pouco aquilo que eu acho que deveria ter procurado fazer, o espaço nas costas da defesa. Teve um bom remate para boa defesa do GR do Boavista e mexeu momentaneamente com o jogo.

Seferovic – 3 – Seria um jogo à medida das suas características,  diagonais nas costas dos defesas, mas praticamente nunca o conseguiu fazer.

Weigl – 6 – Com ele em campo há uma coisa importante que o Benfica ganha... Critério no passe e na tomada de decisão. Hoje gostei bastante porque o vi a arriscar mais no passe e nem falhou assim tanto. O Benfica tem de ter um 6 que além de recuperar bolas não a perca imediatamente, que tenha capacidade para descomplicar quando está complicado.

Cervi – 1 – Não trouxe nada de novo ao jogo.

Diogo Gonçalves – 3 – Entrou bem no jogo dando mais e melhor profundidade que Gilberto. Com o passar do tempo foi baixando. Gostava de o ver jogar de inicio mas a extremo direito.

Em Janeiro tentem o regresso do Florentino... O Benfica precisa de alguém naquele meio campo que recupere bolas e não existe no Benfica ninguém como ele. Além disso, raramente perde uma bola porque descomplica, joga simples e seguro e isso faz com que o Benfica tenha sempre muita segurança com e sem bola. Para desequilibrar está lá o Taarabt, Gabriel, Pizzi, Rafa, Ewerton, Luca, Pedrinho, Chiquinho, Cervi e Diogo Gonçalves.



No Facebook em https://www.facebook.com/universobenfiquista

No Twitter em https://twitter.com/UnivBenfiquista

segunda-feira, 2 de novembro de 2020

Boavista x Benfica - Antevisão

02/11/2020 - O sporting vai em 1º... Como disse JC "é como um cavalo paraguaio"...
02/11/1885 - Nasceu um dos sócios findadores do Sport Lisboa e Benfica...




Ou seja, no dia do aniversário da maior instituição portuguesa, a equipa sénior de futebol masculino  dessa instituição pode voltar ao seu lugar natural... o 1º!

Jogo contra um adversário que se reforçou para esta época mas cujos resultados me parecem abaixo do esperado... Jogo num campo que costuma ter resultados "simbólicos" para o Benfica... desde o titulo de 2005 até ao golo do Jonas...


Conferência de imprensa


Convocatória
Guarda-redes: Helton e Odysseas;
Defesas: Otamendi, Nuno Tavares, Gilberto, Vertonghen e Jardel;
Médios: Pizzi, Cervi, Chiquinho, Julian Weigl, Taarabt, Diogo Gonçalves, Gabriel, Samaris, Rafa e Everton;
Avançados: Gonçalo Ramos, Darwin, Seferovic e Waldschmidt.

11 Inicial

Expectativas para logo?
Dos golos selecionados, qual preferiram?
O que esperam da arbitragem? Ser roubado ou ser beneficiado (para pegar a narrativa que os grandes são beneficiados e por isso o que se passou na 6ª é normal e não u roubo histórico)?

No Facebook em https://www.facebook.com/universobenfiquista
No Twitter em https://twitter.com/UnivBenfiquista