Siga-nos no Facebook

quinta-feira, 20 de junho de 2019

Não à violência, sim ao respeito institucional... Uma vez mais, vergonhoso!!!


 -------------------------


"Desmentido oficial do sport Lisboa e benfica

FUTEBOL
Desmentido oficial do "Nota à Comunicação Social.

Face ao conjunto de notícias publicadas nestas últimas horas, o Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD esclarece que é falso que esteja neste momento em curso qualquer processo negocial a propósito de uma eventual transferência do jogador João Félix.

As condições para a sua negociação são públicas e de todos conhecidas, tendo em conta a cláusula de rescisão definida no valor de 120 milhões de euros.
Mais grave, e que merece o nosso mais veemente repúdio e desmentido, é a falsa notícia que faz referência a negociações que envolvem comissões de 30% e que, infelizmente, mereceu eco em Portugal por parte do jornal "A Bola", com intenções e objetivos que desconhecemos de todo. Repetimos: essa informação é totalmente falsa, absurda e tem intenções claramente dolosas para a reputação e dignidade do Sport Lisboa e Benfica."
-------------------------

O Benfica emitiu vários comunicados oficiais, a reafirmar que não negociou e não negoceia o jogador... Reafirma também que a única forma do jogador sair será batendo a cláusula de rescisão... e depois temos isto...



Bravo Rui Santos, bravo!

Respeito institucional é saber da existência de comunicados oficiais do Sport Lisboa e Benfica, mas ainda assim, acreditar na fonte na qual diz não ter 100% de certezas...

Respeito institucional, é querer deixar algo no ar que contrapõe o que foi dito, oficial e institucionalmente por parte do Benfica, quando praticamente ao mesmo tempo fala em movimentos de respeito institucional... 
Tudo isto é simplesmente nojento!

De boas intenções, está o inferno cheio e começa a ser chocante o Rui ainda ter espaço semanal de opinião na TV, assim como, ainda haver quem lhe dê credibilidade...

Você quer tanto o respeito pelas instituições, como a norte se luta pela verdade desportiva.